Sete Estratégias Pra Perder gordura Que Funcionam

08 May 2019 17:14
Tags

Back to list of posts

<h1>4 Aplicativos Que Pagam Voc&ecirc; Para Fazer Exerc&iacute;cios F&iacute;sicos</h1>

<p>Quando o New York Times me contratou pra escrever sobre o assunto ci&ecirc;ncia e sa&uacute;de 52 anos atr&aacute;s, eu estava dezoito quilos acima do peso. Passara os tr&ecirc;s anos anteriores investigando meu peso subir sempre que saltava de uma dieta pra outra numa tentativa f&uacute;til de suprimir os quilos que havia ganhado recentemente.</p>

<p>Nenhuma quantidade de exerc&iacute;cio e eu fazia muito podia compensar o quanto eu comia no momento em que abandonava o &uacute;ltimo plano pra perder gordura. O V&iacute;cio Que devia Deixar De Lado Se Quiser Perder peso! exemplo do ditado: dieta &eacute; coisa em que se entra s&oacute; pra sair. Reduzir carboidrato ou gordura? Qual &eacute; a melhor estrat&eacute;gia se o seu intuito &eacute; s&oacute; desinchar? Nem ao menos jejum de dia inteiro funcionava.</p>

<p>No momento em que chegava a hora de jantar, eu n&atilde;o conseguia parar at&eacute; segurar no sono e, algumas vezes, acordava pela manh&atilde; seguinte com comida semimastigada pela boca. Minha dieta resultara em um transtorno de compuls&atilde;o alimentar e isso me apavorou. Claramente, algo precisava modificar. No fim de contas, recuperei o controle quando parei de fazer dieta. Decidi que, se era para ser gorda, no m&iacute;nimo eu poderia ser saud&aacute;vel. Fiz um plano para comer 3 refei&ccedil;&otilde;es nutritivas e satisfat&oacute;rias por dia com um nanico lanchinho, o que me ajudou a passar a tenta&ccedil;&atilde;o de comer sem parar em consequ&ecirc;ncia a do jejum.</p>

<ol>
<li>H&aacute;bitos que Ajudam pela Perda de calorias: Pratique Medita&ccedil;&atilde;o</li>
<li>Treinamento (Aprenda a correr 10Km)</li>
<li>um x&iacute;cara de avel&atilde;s</li>
<li>dois colheres de sopa de queijo fresco</li>
</ol>

<p>Para a minha vasto surpresa, um m&ecirc;s depois eu havia perdido 4,5 quilos —e comendo! Comendo comida boa, isto &eacute;, um monte dela. Continuei sendo assim sem problema em raz&atilde;o de n&atilde;o era uma dieta. 7 Benef&iacute;cios Para a Sua Sa&uacute;de Prometidos Pelo Ch&aacute; De Hibisco um h&aacute;bitos de vida saud&aacute;vel. E continuei emagrecendo, cerca de um quilo por m&ecirc;s. 2 anos mais tarde, o sobrepeso sumira. Nunca mais o recuperei e nunca mais fiz dieta. Nem ao menos mesmo quando fiquei gr&aacute;vida de g&ecirc;meos; engordei s&oacute; 16 quilos e perdi todos no momento em que meus filhos nasceram pesando 3,090 quilos qualquer um. Como Ter Autoestima Quando O Universo Te Arrasta Pra Baixo? desafio pra perder peso, principalmente para uma pessoa como eu, viciada em ingerir, &eacute; o acontecimento de que ningu&eacute;m podes parar de comer.</p>

88c774e429525827dce9d395501b7893--menu-exercises.jpg

<p>Pelo oposto, &eacute; preciso estudar uma maneira melhor e infinito de suportar com os alimentos. Eu como tudo que pretendo, com modera&ccedil;&atilde;o. Em uma edi&ccedil;&atilde;o recente da revista Jama, Eve Guth, m&eacute;dica internista do Centro M&eacute;dico para Veteranos Jesse Brown, em Chicago, basicamente assinou embaixo da minha abordagem. Quem sabe ningu&eacute;m saiba melhor disso do que Angelica Divinagracia, especialista em condicionamento f&iacute;sico que, aos cinquenta e tr&ecirc;s anos, parece t&atilde;o bem, ou mais do que quando era l&iacute;der de torcida da Escola da Calif&oacute;rnia, em Los Angeles. Guth alerta para muitas arapucas, como ser influenciado por dizeres em embalagem de &quot;baixa gordura&quot; ou &quot;insuficiente carboidrato&quot; ao inv&eacute;s ler as informa&ccedil;&otilde;es no r&oacute;tulo de fato nutricional.</p>

<p>Ainda segundo ela, suco de frutas podes n&atilde;o ter gordura, mas n&atilde;o tem poucas calorias j&aacute; que cont&eacute;m uma extenso quantidade de a&ccedil;&uacute;car. Ela assim como pede mais aten&ccedil;&atilde;o aos complementos e temperos. Eu n&atilde;o fa&ccedil;o contagem de calorias, contudo tenho um entendimento funcional do n&uacute;mero semelhante em quase tudo que ingiro. Se voc&ecirc; tem que perder calorias, pe&ccedil;o para que baixe da web uma tabela abrangente de calorias dos alimentos comuns para ajudar a fazer substitui&ccedil;&otilde;es que cortar&atilde;o quase 500 delas de tua dieta di&aacute;ria.</p>

<p>Assim como &eacute; poss&iacute;vel fazer o mesmo com uma tabela de exerc&iacute;cios, tendo em mente que o gasto cal&oacute;rico de qualquer atividade depende do vigor com que &eacute; executada e do quanto voc&ecirc; pesa. Ela, como eu, apoia o mantra das dietas de Michael Pollan: &quot;Ingira comida. N&atilde;o muita. Principalmente plantas&quot;. E, como eu, observa que a perda de calorias lento e sequente sugere que foram adotadas altera&ccedil;&otilde;es sustent&aacute;veis nos h&aacute;bitos diet&eacute;ticos e de exerc&iacute;cios que s&atilde;o capazes de tornar-se quase instintivas e durar pela vida afora.</p>

<p>Laila voltou chorando pra casa e, nos meses se&shy;guintes, emagreceu vinte e quatro quilos “de nervoso”. Mesmo que voc&ecirc; n&atilde;o tenha problemas com a balan&ccedil;a, quantas vezes prontamente n&atilde;o se la&shy;men&shy;tou do pneuzinho lateral ou da barriga com dobrinhas? Multiplique estes des&shy;con&shy;fortos por 10 e ter&aacute; uma id&eacute;ia do que sente algu&eacute;m que necessita reduzir metade de teu peso. Laila, Luciana, Ana Luiza e Na&shy;t&aacute;&shy;lia conhecem regimes desde garotas. Como Perder Peso Com Sa&uacute;de &shy;&shy;pre usaram “roupas de velha” e n&atilde;o enca&shy;ra&shy;vam o espelho no momento em que sa&iacute;am do banho.</p>

<p>Ti&shy;&shy;nham temor de entalar na roleta e desgra&ccedil;a de ocupar dois lugares no &ocirc;nibus. Uma pessoa nessas condi&ccedil;&otilde;es tem cer&shy;teza de que j&aacute; tentou de tudo pra ter uma “vida normal” - vale lembrar que 97% dos obesos m&oacute;rbidos que emagrecem com die&shy;tas e medicamentos voltam a ficar mais gordo. Prontamente pense algu&eacute;m que devorava uma cai&shy;xa de chocolate de uma vez co&shy;mendo s&oacute; cinco colheres de sopa de alimentos no almo&ccedil;o. “Cerca de 20% dos pacien&shy;tes ope&shy;rados apresentam um transtorno depois, como com&shy;puls&atilde;o por doces, compras, sexo, drogas ou &aacute;lcool”, diz a psic&oacute;loga Maria Isabel Ma&shy;tos, da Unifesp.</p>

<p>Sem o quest&atilde;o pela comida e com mais promessas de atividades, as 3 entrevistadas operadas dessa reportagem viraram consumistas de carteirinha. “Tudo o que eu gas&shy;tava em comida gasto em roupas”, confessa Nat&aacute;lia. Os m&eacute;dicos ques&shy;tionam o que psic&oacute;logos definem como “troca de compuls&atilde;o”. “A maioria dos obesos n&atilde;o co&shy;me por desvios psicol&oacute;gicos. Al&eacute;m da alimenta&ccedil;&atilde;o inadequada e do sedentarismo da na&ccedil;&atilde;o atual, h&aacute; uma pergunta ge&shy;n&eacute;tica: eles produzem mais horm&ocirc;nios que ge&shy;ram fome do que um magro.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License